Ah o amor..

Filme mais lindo de amor: Diário de uma Paixão!

Filme mais lindo: Diário de uma Paixão!

A gente passa por turbulências, promete não se apaixonar tão cedo, mas quem disse que coração sabe obedecer regras pré-determinadas pela nossa razão?

Já dizia o pensador Jacques Bossuet “O coração tem razões que a própria razão desconhece”, ou seja, o coração está ali, apenas de aluguel, apenas sobrevivendo no seu corpo, e como qualquer ativista, revolucionário, o coração tem suas próprias razões e as vezes até desconhecidas pelo humano que habita.

E ele não sossega. Quando o amor tá calmo demais, tem alguma coisa errada, a pessoa está mentindo, o romance não está lá aquelas coisas, a gente se pega pensando em mil razões pela qual a pessoa as vezes ainda não te mandou um boa tarde, sendo que ela pode estar apenas sem tempo, mas com toda certeza está pensando em você, apenas não pode abrir o whatsapp pra mandar aquele beijo que você acabou se acostumando. PARA. Você tem que parar de pensar assim. Eu e meus devaneios vivemos nesse abismo petulante causando sempre uma discórdia dentro da minha cabeça e não menos no meu coração. Discórdia, porque sempre achamos que a outra pessoa pode estar des-gostando da gente. Amor não é assim. Deixa de ser noiada, deixa de se preocupar TANTO com coisas pequenas, e comece a pensar o seguinte: Ele está com você porque quer né? Se a resposta for sim, menos preocupação ainda. Quando vocês estão juntos ele demonstra que é só você que importa? Se for sim novamente, pode colocar um sorriso no rosto, e abrir as portas do coração e deixa ele entrar de mansinho e ir chegando aos poucos. O amor é simples, mas nós que implicamos em complicá-lo ao pré-julgarmos coisas que nem existem. criamos contos, histórias, novelas mexicanas em nossas cabeças que só nos fazem mal, quando a pessoa as vezes só é um pouco mais calma, ou relaxada, ou não se liga em detalhes. Precisamos aprender a lidar com todo tipo de romance e amor, nessa era digital fica complicado concorrer com celular e mídias sociais. Mas lembre-se sempre, o amor é físico, é real, e você com certeza irá perceber que você está amando e ele também com uma simples pergunta: Você está a maior parte do tempo sorrindo? Se a resposta for sim, então bola pra frente menina, deixa a preocupação para a roupa que você vai sair com ele no fim de semana e se joga nesse romance.  E se você tá mais triste e preocupada do que sorrindo aos ventos, deixa esse amor aos poucos, e desapega, porque quando se trata de amor, a alma tem que estar contente!

Anúncios

Um pensamento sobre “Ah o amor..

  1. Como já dizia Mário Quintana: “O amor é isso. Não prende, não aperta, não sufoca. Porque quando vira nó, já deixou de ser laço”… Adorei te ver espalhando coisas boas por aqui de novo! Saudade imensa de você :*

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s